peixes, receitas

Salmão grelhado e legumes na manteiga

Ontem o Luca abriu um pequeno baú onde guardamos fotos antigas, depois da bagunça feita, lá foi o pai organizar tudo, aí acontece o susto: acho uma foto minha magrinho na praia e fico bem chateado.
Curioso precisarmos de um choque pra concluir o que o espelho e as calças apertadas já te contam todos os dias…
Nunca fui obeso, nem muito vaidoso e sempre me alimentei bem, mas a redução nos exercícios e um aumento na afinidade com doces fez com que eu ganhasse uns quilos nada desejáveis nos últimos tempos. Com o blog a coisa só complica, já que a única hora que tenho pra cozinhar é no fim da noite, então acabo exagerando na janta.


Conclusão: matrícula na academia feita hoje e mudança no cardápio noturno programada.

Não esperem encontrar aqui um relato diário de regime, um programa “Medida Certa” virtual, ou pratos com 1/2 colher de azeite e leite desnatado. Vou poupar vocês de toda essa chatice. Se conseguir fazer receitas bacanas e publicáveis elas aparecerão por aqui, se não, seguiremos com a programação normal, até porque não abro mão de comer uma boa massa e adoro um docinho.
Voltarei às minhas corridas e trilhas e espero conseguir mudar meus hábitos de alimentação a noite. Desejem-me boa sorte.

Ah, por favor, nada de “patrulha nutricional” por aqui, se alguém comentar que a colher de açúcar que acrescentei no bolo tem 278 calorias ou que é pra trocar o parmesão por ricota eu vou ignorar..rsrs

Ingredientes
– 2 filés de salmão com a pele (+- 200g cada)
– 1 colher (sopa) de mel
– 1 colher (sopa) mostarda
– 1 cenoura pequena
– 1 abobrinha
– 1 alho poró
– 1/2 xícara de champignon fatiado
– 1 colher de manteiga
– sal e azeite a gosto

Preparo:
Misture a mostarda, mel, um fio de azeite e uma pitada de sal. Deixe o filé marinando nessa mistura enquanto prepara o acompanhamento.
Pique em cubinhos ou rale a cenoura e a abobrinha. Corte o talho do alho poró em fatias bem finas.
Em uma frigideira antiaderente, acrescente a manteiga e comece refogando a cenoura, que é mais firme. Assim que ela ficar macia acrescente a abobrinha, o alho poró e o champignon. Refogue por mais dois minutos. Retire da frigideira e reserve.
Na mesma frigideira (ela tem que ser antiaderente mesmo, se não o risco de grudar aqui é muito grande), grelhe os filés de salmão, começando pelo lado da pele. Minha dica aqui é usar o fogo bem alto, grelhar até a pele ficar bem dourada, virar e deixar só mais um minuto. Se você deixar mais tempo corre o risco de comer o salmão muito seco.
Agora é só montar o prato, finalizando com um fio de azeite e uma pitada de pimenta do reino moída na hora. Bom apetite!

Como canta o grande Stevie Wonder “superstição não é o caminho”, então o négocio é fechar a boca e malhar..rs

www.saborsonoro.com.br